quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Sonhei ...


Eu me vejo dormindo , brancos lençóis envolventes, cabelos dispersos nos ombros- apenas sinto como o amei.


Vislumbro, ao longe, aquele sonho à noite que me despertou – seus braços nos meus, meus beijos eram seus, eu não sei...

Mas eu simplesmente acordei- senti o gosto da desmedida do desejo , de esguelha me espreito, num querer feito defeito.

Sonhei na minha cama, cabelos dispersos nos ombros, o pouco virou sobras – fôlego do desejo , restos do sonho emaranhado, assim como seus braços nos meus, meus brancos lençóis,apenas sinto como o amei...

Nenhum comentário:

Postar um comentário