domingo, 13 de setembro de 2009

De novo


QUERO O NOVO , MAS NA BELEZA DE CADA BIS , SEM CURVAS DE RUGAS OU HALITOSES DE MOFO.


QUERO AS SACUDIDAS CORTINAS , ARANHAS E TEIAS , POEIRA E FULIGEM EXPELIDAS.


DOU O VÔMITO À NÁUSEA , O DRAMA SEM BRIGAS , O MEL NAS FERIDAS.


HOJE É MAIS UM DIA , CHEIRINHO DE NOVO , EU SEI – TEU OLHAR NÃO VAI SE CALAR , SE O AMOR NÃO DORME E SE APRESSA EM CHEGAR .


DEIXA SÓ O TEU CORAÇÃO BATER VIVO EM ALTO E BOM SOM : TUM - TÁ NA BELEZA DO QUE SE REPETE , E MAIS UMA VEZ , O AMOR PEDE BIS , E TUDO SE FAZ NOVO , E DE NOVO, VIVE –SE SEMPRE MAIS UM TANTINHO FELIZ.

http://www.imeem.com/people/4AllmO/music/PlJ9oeFT/lulu-santos-tudo-bem/



Um comentário:

  1. Oi, Sahamia! Busquei... Gostei! Voei pela imensidão dos teus sentidos poéticos e deixo aqui a rapidez de um colibri!

    ResponderExcluir