quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Ser e amar de novo


Eu quero viver de cores quentes , abduzidas , rasgadas no todo.




Sentir o calor do corpo ,criando forma ,envergando o juízo ,despindo a vergonha.




Desejar o melhor que há do teu sorriso ,o que for preciso para te refrescar na tarde.




Quero o beijo de todas as letras , luzes bem acesas , bem-estar e viver na cor , envergando o juízo , tudo o que for preciso para ser e amar de novo .

Nenhum comentário:

Postar um comentário