domingo, 17 de janeiro de 2010

Instantes ( somente para os ultrarromânticos de carteirinha)



Os castiçais empoeirados tilintam com o vento da tarde , no sol poente , e a tarde sente o eco distante do piano , do passado século restante, de instantes , nostalgia de sala vazia.


Cartas pelo chão, amantes, restos de paixão e flores, mortes e suas dores, o tempo leva , ainda sobra a alma do passado, a essência do futuro , viver e o seu tom de absurdo- nostalgia , sala vazia, e a tarde sente , sol poente, instantes , restantes, amantes...

Nenhum comentário:

Postar um comentário