quarta-feira, 5 de maio de 2010

Trilha triste (Não é meu estilo uma poesia sobre saudade e tristeza, mas é bom discorrer sobre sentimentos tb importantes)

http://www.youtube.com/watch?v=Dl2WrDtN8WE&feature=related

Minha alma anda triste, sem tom, sob uma cortina antiga e marrom, sem a menor graça, sentada na praça, olhando a árvore centenária esquecida...

Alma claudicante e perdida, achada em algum lugar que ainda não sei, mas talvez melhore e não conte aquele velho segredo –estou de volta pra casa, cansada de ficar sem você, e se é pra isso que a vida existe, quero mais de sua voz rouca, sem medo, bem no meio desta trilha triste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário