quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Seguindo...





Quero seguir pássaros de luz, nuvens sem volta, tempos restantes, vidas infantes, ventos e instantes.

Quero seguir para nunca mais voltar, seguir feliz rumo ao
 infinito de um olhar, partir, ir, perder as noções de um razoável absurdo que mora vorazmente em mim.