terça-feira, 31 de março de 2009

EU QUERO POUCO DO AMOR


EU QUERO POUCO DO AMOR : QUERO-O AQUI , PERTO DE MIM , TÃO PURO E SIMPLES , SEM TROCOS OU RECIBOS.


APENAS AQUELE AMOR DAS CARTAS INVENTADAS , DAS RIDÍCULAS SERENATAS , DOS GESTOS MAIS SUTIS...


ALGO IMITADO DE NOVELA , ROMANCES DE GROSSOS LIVROS , SALAS CHEIAS DE VELAS.


PODE SER UM AMOR DA FICÇÃO , FORMATO “SAMBADO” DE UM CORAÇÃO, MAS EU QUERO POUCO DISSO TUDO- APENAS A ESSÊNCIA , O DESEJO DOS POETAS , AS MÚSICAS DAS RUAS DESERTAS, TÃO PURO, TÃO BASTANTE , SEM TROCOS OU RECIBOS.

http://www.imeem.com/people/7Sj1QR/music/uzGc4jL-/sade-no-ordinary-love/

Você me faz bem...


Voce me faz bem quase sem sentir , quase sem querer , a dor do espinho virou prazer , suas mãos são nuvens a me tocar.


Você me faz bem , porque faz além do que posso esperar, sua essência é limpa de amargura ,seu jeito diáfano tão lindo de amar.


O que apenas dói é a felicidade intensa, chega até machucar , mesmo suas mãos de nuvens , seu caleidoscópio azul no olhar , mas a dor do espinho virou prazer , quase sem querer, você me faz bem além do que posso esperar: amar, teu jeito mais lindo...






terça-feira, 24 de março de 2009

QUERO SER...



QUERO SER A ESPONJA DE TODO AMOR QUE ME MOLHAR , SER TEU OLHAR NUM DIA CINZA DE CHUVA , MUITO MAIS QUE TEU BEIJO NA SAUDADE TÃO INVASIVA.





QUERO A NUVEM DE UM PENSAMENTO DISTRAÍDO E SONOLENTO , A ARREPIADA FELICIDADE DO MENINO QUE CORRE , A INTENSIDADE DE UMA LÁGRIMA NO ROSTO QUE MORRE , SER A ESPONJA DE TODA COR QUE ME TOQUE...


domingo, 22 de março de 2009

Saliva


A paixão me arranhou com uma rasteira , lambi teu chão, teus pés , tua boca, até mesmo tua mão inteira.


Foi assim meio no prazer, na lambida mais desinibida, precisava te dizer- foi o melhor resvalo da minha vida.


Sim, essa paixão sorve tão atrevida , minha ancestralidade renascida, essa minha língua , esse teu gosto na libido, todo na boca , lambi teu chão de prazer , minha necessária saliva.

http://www.imeem.com/people/wBsyp1c/music/sH-g3axe/simply-red-say-you-love-me/

Tão bonito é você !


Tão bonito é você! Não sei se é a roupagem do corpo , a leveza da alma , minha imaginação flutuando...


Meu querer emoldura seus pedaços , muda o que se sente , pinta toda beleza , dando toda certeza – a perfeição na harmonia do sentimento , no momento dos meus olhos , no pedido do meu coração.


Tão bonito é você! Pedaços na moldura , meu querer numa soltura , minha imaginação que flutua , pintando toda beleza , sua leveza de certezas...

http://www.imeem.com/people/4hX5b7g/music/b1-du557/engenheiros-do-hawaii-olhos-iguais-aos-seus/




terça-feira, 17 de março de 2009

Ralé da escrita


Acho que virei uma criatura errante , palavras brincam de pega-pega num papel , sou a "ralé" da escrita , mas não me "toco" , vomito tudo , e lambo de novo...



Não sou poetisa , sou quase um desespero premente ; escrever, eu preciso , letras e sons para ser gente .



Vomito tudo novamente , e lambo de novo , se é que você me entende , sou a mais "ralé" da escrita...


domingo, 15 de março de 2009

Viva...


Viva adornada com as cores da fantasia , vida cheia de música, cheiro de chocolate e poesia , viva do jeito que você sempre queria...Mas, viva !


Hoje e sempre, não precisa ser assim tão urgente , voe longe como os pássaros , pense tão alto quanto eles podem alcançar , lance sua alma livre para diante...


E , se por um instante doer, então sabe, enfim, o que é viver! Mas viva do jeito que ela sorri , pergunte à dona alegria qual o segredo , se é a paixão que se faz sangria ou o desafio que supera o medo...


Tanto faz , se o homem mais completo é todo alma , olhos , música e poesia ...Mas viva nas cores da fantasia , cheiro de chocolate, pense alto... Do jeito que você sempre queria...

sábado, 14 de março de 2009

Azul-sina ( Niver de meu pai hoje... Tb , meu olho azul !)





Fascina , este tal olho azul-sina , talvez um feitiço de uma fada negra .





Não consigo mais dormir , se o céu , o mar, a roupa e a tinta são azuis , se este tal olho fascina , piscina , talvez um feitiço de fada , meu pensamento ser assim como a dor da cor : azul-sina , nas esquinas e jardins , fascina , apenas teu azul-piscina.

Agora



Loucura sob o azul do escuro , sem vultos ou miragens , se o vejo plenamente na minha hora.



A hora é sempre tão agora , o seu olhar da noite tem pressa , abrace-me forte e sem demora.


Loucura é isto tudo , na sede do nada , na fome do absurdo .



E na vertigem do relógio, a loucura é mesmo tão azul , mas o vejo claramente tão agora , plenamente na minha hora , sem vultos ou miragens.

quarta-feira, 11 de março de 2009

Anjo afoito


Portas abertas tão descerradas , janelas azuis de olhos , apenas quando você chega...




Luzes na brisa , quando seu rosto me toca , tudo como se fosse a derradeira vez...




Você tem a fome das horas , pensa que vai morrer daqui a pouco ou agora , às vezes acho meio loucura , mas meu pensamento só vai além do pouco , muito aquém do que você é – meu belo anjo afoito , janelas azuis de olhos , luzes na brisa, apenas quando você chega...

segunda-feira, 9 de março de 2009

O amor


Nada é quase sempre tão fácil , se o amor é só para alguns... Pode ser o caminho mais tortuoso , pode ser um navegar no azul sereno do mar.

E quantas almas se perdem num abismo , e quantas se ganham , achando-se no paraíso , e tudo vira um doce fado- pode ser que sim , pode ser que nunca , pode ser que sempre.

O amor é absolutamente relativo- não tem regras nem respostas , não tem jeito nem juízo , ninguém sabe muito como começa , nem tem certeza se um dia realmente termina.

Assim como uma linha contígua e tranquila , nada rude como o abrupto , pode ser o caminho mais tortuoso , pode ser um navegar no azul sereno do mar , pode ser que sim , pode ser que nunca , pode ser que sempre – absolutamente relativo é o amar

sexta-feira, 6 de março de 2009

LUAS SERENAS


VENHA ME ACHAR SOB AS LUAS SERENAS DAS ESQUINAS TORTAS , PORTAS AZUIS RANGENDO NUM PENSAMENTO DE ESPREITA.


VENHA ME ACHAR POR UM MOMENTO NA FLOR CHOROSA DE UM SERENO , SE ESTOU VAGANDO DESCALÇA NAS CALEIDOSCÓPICAS PEDRAS , SORRATEIRA NAS CALÇADAS E RUAS, LADEIRAS SEM BEIRAS.


MEU MUNDO SERÁ AZUL, SE ME ACHAR SOB AS LUAS SERENAS , FLOR MAIS CHOROSA, CALEIDOSCÓPICAS PEDRAS , E O PENSAMENTO DE ESPREITA NA MINHA JANELA AMARELA SE DELEITA.

PEDAÇOS



MEU PENSAMENTO EM VOCÊ É COMO O RESTO DOS FIOS DE SOL BEM À NOITINHA, SEMPRE EM PEDAÇOS , PEDAÇOS DE PALAVRAS VIVAS, AMÊNDOAS EM SEUS OLHOS, MEU PRAZER.





MOMENTOS DE MINHA VIDA FEITO FILME PRA SE REVER , MAS ACHO QUE LEMBREI DO QUE ME DISSE: “NUNCA VAI ME ESQUECER , VAI QUERER DE MIM CADA PEDAÇO, PEDAÇOS DE PALAVRAS , MEUS OLHOS , NOSSO PRAZER, FRAGMENTOS QUASE SEMPRE SEM QUERER".

quarta-feira, 4 de março de 2009

Pretérito ( Aos amores antigos )


A estrada ficou estranha , tão cheia de nuvens pesadas que caminham sobre ela.


Apenas você ao longe , como um ponto final , um desejo perdido no horizonte do percurso , luzes e sombras num mosaico , e você como um ponto.


O anonimato de quase tudo , tudo ficou pequeno , virou pretérito , nossa história embaçada ficou distante- eu , um ponto final pra você ; você, um ponto final além de mim .


Desejo cheio de nuvens pesadas , chorando na estrada , mosaico de luzes e sombras , restou apenas o nosso arco-íris , tão distante de nós , como um ponto final – tudo ficou pequeno , virou pretérito.

domingo, 1 de março de 2009

Sonhos de Estrelas



Mistura de desejos na cortina cintilante da alma , onde ficam bem aninhados, moldados numa alquimia de vida , usufruídos no concreto.





Meus sonhos de estrelas- destes , eu não abro mão, muito mais que uma oração, viver num céu azul de desejos nus , letras-âmago , se a página da história segue em frente sem perder a vontade , alquimia do desejo- concreto, minha cintilante cortina , e o sonho se derrama no prazer de ser usufruto.