domingo, 28 de março de 2010

Silvo dos ventos ( Renato Russo, que faria 50 anos, e seu vento no litoral...)


O silvo do ventos, suspenso nos ares, sinto que nunca foi embora.


Estava sorrindo sozinha, numa certeza tão minha, na brisa branca que refresca, prometendo a vida e enganando a morte, jogando toda a sorte pelo seu longo beijo.


E você é todo amor misturado de vento, sussurrando em meu ouvido, sinto que nunca foi embora- sem lei, sem hora, só ouço o silvo suspenso nos ares, seu jeito de cheiro, e tão agora...

quarta-feira, 24 de março de 2010

ISABELLA ( SEU SORRISO NOS FAZ CHORAR...)




ELA AINDA CANTA BEM SUAVE ENTRE NUVENS E VALES ; SEU MUNDO CHEIRA A ROSAS, TEM CURTAS PROSAS, BOLOS GRANDES E BRIGADEIROS, CORES MAIS LINDAS, MIMOS E BRINQUEDOS...


ERA FESTA , A FELIZ VIDA DA CRIANÇA E,  DE REPENTE, A NÓDOA , O ÓDIO DESNUDO E DEMENTE, E QUE SE TOME PARTIDO DE SEU SORRISO , DE MAIS UM ANJO BOM INTERROMPIDO- MENINA TÃO BELA, FADINHA DA FLOR, ISABELLA.

segunda-feira, 22 de março de 2010

Violência ( pensamento de um pequeno-grande sonho)




A violência destrói alguns grandes ou pequenos sonhos, quantas vidas, somas de dinheiro, até mesmo enredos poéticos das janelas abertas, portas escancaradas, ruas desertas, beira do caminho...

Quero poder, um dia, sentar como uma pessoa simples e ociosa numa cadeira, sobre a calçada, à noite inteira, tudo se perdendo de vista, sem temer mais nada, esperando apenas o amanhecer, contando causos na madrugada.

Não acho mais palavras ( Paralamas e Cazuza ...Mistura boa na música...)


http://www.youtube.com/watch?v=2R0n5mfMl-8

Sinto que é quase pouco dizer tudo o que quero, se no meu abismo de dentro uma palavra respira, uma palavra já nasceu, resiste inteira, ou será que já morreu?

Sei lá... Pode ser, ela lá está desenhada num tipo Verdana, acolchoada dentro de mim, só sei que é pouco dizer tudo o que quero, sinto que é bem mais que frase, pior e tão enfática feito crase, sinto coisas e coisas ou meias- verdades, e é sempre você, é sempre tão grave, se eu não acho mais palavras, ou mesmo quase...


sábado, 20 de março de 2010

Toda boa palavra

http://www.youtube.com/watch?v=TB6Cpy-X7A8
Toda boa palavra é carícia no coração, sacramento de poeta, força da canção.


É perfume do bom, bom costume, clareia o obscuro e o desvão.


Origina e desaba, toda boa palavra; enfeita a branca alma; cura a ferida, a língua que é bendita.

quarta-feira, 17 de março de 2010

Passa ( Para Lis, Micheline e Mi com seus respectivos amores)

http://www.youtube.com/watch?v=JJxDNdFchoQ

Passatempo, passa o vento, passa unguento para amaciar o que for, batom para enfeitar na cor...


Passam curvas, passam horas, bom dia para o verdadeiro amor, passa ferro na roupa que ele tocou.


Passa louco, o tempo; passa unguento para amaciar o que for, mas antes, passe por aqui como passa o vento, passatempo, passam curvas como tudo que passa, porém quero que fique...

Vida vivida



Se a vida da gente não for bem vivida, passa mesmo batida, resvalada tão falida, parecendo à toa, alto mar, coisa de quem não nasceu e sequer existe, história triste de uma viagem sem ida.

terça-feira, 16 de março de 2010

Luz ( Todos os dias, bênçãos e bênçãos, dono do verdadeiro amor...)

http://www.youtube.com/watch?v=WakqgzoaFuM
Eu vejo luz entre negros muros, olhares tristes ou duros, sorriso leve, puro, beira do caminho, o diáfano no carinho, amor no ódio.



Vejo luz na luz e até no canto de cada escuro, mas eu a vejo, se ela sempre me alumia, esvazia e me conduz, certamente esta mais branca luz que se chama JESUS.

domingo, 14 de março de 2010

ENTREGA ( ESTA MENSAGEM É PARA VOCÊ, NÃO IMPORTANDO O SEU CREDO)







ENTREGUEMOS A DEUS TUDO AQUILO QUE NOSSAS MÃOS E MENTES NÃO CONSEGUEM RESOLVER, SE A NOSSA IMPOTÊNCIA É APENAS MAIS UM GRANDE TRUNFO QUE ELE USA, JUSTAMENTE PARA ENTENDERMOS A IMENSIDÃO DO SEU PODER NA PEQUENEZ DE NOSSO SER.

Gota por gota ( Niver do meu pai- Uma poesia de amor misturada com seus olhos azuis...)


Vejo a água nos seus olhos, gota por gota, uma por uma...


E a voz assoma muito mais rouca, sou quase você, flor do deserto.


E se está por perto, vislumbro, de novo, o tudo e o nada, a água, viro confusa tão solta, e quem me dera se fosse certo, se me diluo em olhos, pingando em mim, gota por gota; no amor, molhada, oásis do que quero na flor de cor azulada, seus olhos...


quarta-feira, 10 de março de 2010

Muito mais menina...






Desde menina, sei que nem tanto cresci, deixei muito mais me iludir com números do ano, parei no canto do tempo, sou mais uma mulher ao vento; aquela que, por dentro, é bem mais menina, dengosa por sina, esquecida das horas, sem data de nascimento.

domingo, 7 de março de 2010

Sei lá para onde... ( Apertem os cintos com o vídeo, tá?)



A música impregna a alma, carrega-nos sei lá para onde, e nem sei se um dia a gente ainda volta...

http://www.youtube.com/watch?v=5OMFiqNA6Ag

A mulher ( Nós somos de uma beleza e de uma importância infinitas...Quero q vejam o vídeo abaixo- Maria Betânia,Dona Canô,Caetano-Fogueira, foguete..)


A mulher é uma tela de Romero - mosaico lindo e colorido que merece ser exposto, tratado com zelo, quase numa cega adoração de coração vermelho.


E no meio do altar, uma delicada canção, se a mulher é rainha da cor, tela de Romero, adornada com a amarela flor, ventre abençoado com o mais louco e verdadeiro amor.

terça-feira, 2 de março de 2010

Uma pessoa pela outra ( A voz rouca de John Mayer pra gente delirar...)



Faça bem mais que puder no seu habitat de gente, use seus melhores devaneios como recheio de todo sobrevivente, lambuze a vida com o chocolate mais puro , e é assim que se deve vivê-la - num sorriso leve, de lágrima solta, e cada dia ser melhor, uma pessoa pela outra...