sábado, 24 de setembro de 2011

Pleonasmo ( Desenho by Luana Aguiar )


Eu rebusco minhas buscas de novo, sou este pleonasmo velho, querendo ser outro- again, again, de novo... Será que termina no fim?

...Feito gente de nascença


Pensei muito em escrever qualquer coisa diferente, mas vivo mesmo de enganos, se as nossas almas são similares, e as letras saltam pouco do lugar. A poesia veio para contar, e não revolucionar na diferença, veio simples, mais do mesmo, feito gente de nascença.

sábado, 17 de setembro de 2011

Eh saudade!


Eh saudade! Apenas uma menina vestida de nuvem, só que faz doer, moer miolos entre abrolhos secos de um pensamento, entrelinhas, entre espinhos, maldade...Eh saudade!

sábado, 3 de setembro de 2011

Borboleta, borboletinha...(POESIA INFANTIL)





Borboleta, borboletinha... Tinha uma borboleta tão minha, bailando pelo jardim, pousando sobre o meu dedo, sem medo, sorrindo para o jasmim num abrir e fechar de asas mas, numa rodopiada ligeira, resolveu fugir e ,num grito, logo pedi - Volte, amarelinha, borboleta tão minha! Aqui, aqui!