domingo, 31 de agosto de 2014

Sonhadores


A onda o lançou na areia, e o porvir assoma já mentindo, pés fincados em  barros vermelhos, o vento leste e quente em olhos úmidos , sua mente iluminada de preguiçosos vagalumes ... Ah, você sonha demais, hein?

 Existe algum limite para esta e certas coisas? Viram doença maligna , daquelas que só juntam dor?
Não se sabe, mas dizem que não há cura para os alienados de propósito- os sonhadores de livros e de fato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário