domingo, 31 de julho de 2011

...E a palavra me veste









Na tela de uma tristeza alegre, na esfera quente de um riso de cor, a palavra me veste de nua o ano inteiro.




Nenhum comentário:

Postar um comentário